=====================

 

Ideias para Blogger

No início era o verbo...

Written By Al Berto on sexta-feira, março 30, 2007 | sexta-feira, março 30, 2007


A dor não tem tamanho, apenas diferentes caprichos.

Nós, humanos, somos tão fracos que até pouca coisa nos derruba.

Sofrer de fome ou sofrer de si, porque não se suporta o que se é, porque não se encontra um caminho que faça sentido, não é a mesma coisa, mas infecta igualmente a existência.

Demora muito a aprender a morrer.
Demora mais do que aprender a andar, aprender a falar, aprender a mantermo-nos direitos durante os dias.

Não sei sofrer de fome, não aprendi, mas sei sofrer de mim, sei sofrer de perguntas sem resposta, sei sofrer de traição e caminhar com o afecto moribundo pelas ruas de uma cidade ou pelos campos verdes cheios de cabras com o som dos chocalhos.

Sei sofrer de preocupação pela preocupação dos outros comigo.
Sei sofrer de preocupação pelos outros.
Sei sofrer algumas dores, não todas.

Mas é a consciência de tudo isto que nos mantém o espírito alerta para dar valor ás coisas mais singelas da vida.

É por isso que, volta e meia, junto alguma irreverência e, porque não dizer, alguma provocação em algumas matérias aqui tratadas.
A busca incessante não do conflito mas antes do debate das consciências a isso obriga.
Um ser em quem o espírito crítico esteja ausente está, literalmente, acabado.

Ao reparar nestas pequeninas coisas dei comigo a apreciar os comentários ao último artigo aqui colocado.
Claro que os amigos do Brasil pouco ou nada conseguiram decifrar mas, também aí, estão na exacta posição em que já me encontrei algumas vezes quando os visito.
De facto cada um sabe da sua "casa" e, ás vezes, nem isso. É natural.
Mas não foi isso que os impediu de dizerem... presente. Isso é consideração.

Constatei, nesses comentários, a vinda de novos amigos que, pela primeira vez, aqui comentaram. Gostei e agradeço a simpatia neles colocada.

Por falar em simpatia, tinha o Estados Gerais uma semana de vida, e alguém, anónimo, deixou um comentário em que se insurgia contra a simpatia das pessoas.
Algo do género de que as pessoas comentavam para dar "graxa", "papo furado", enfim... de que os blogs não passavam de uma mera "peneira" para descarregar frustrações e similares e/ou para alimentar um ego doentio.

Pessoalmente considero isso um insulto.
De facto porque haveriam as pessoas de ser antipáticas?
Ainda que não concordando, e isso já aconteceu comigo várias vezes, não é necessário "quebrar o verniz" e usar de argumentação baixa e despropositada.
Uma crítica feita nestes moldes deixa de fazer sentido e o autor perde de imediato a razão..
A boa educação cabe em todo o lado.

É por isso que aqui fica uma referência a essas novas visitas:




Com um obrigado ao Paulo Miranda

21 comentários:

Carla Ramos disse...

Mas olhe que não há muita gente com a sua formação.

Águas da Vida disse...

Obrigada pela sua gentil visita e parabéns pelo excelente post.
Big Kiss

melga meiguinha disse...

Ai como eu o compreendo caro Mostardinha.

Gosto muito da forma como escreve e só não deixo mais comentários porque tenho dificuldade de aceder ao seu blog.

Beijocas.

Paulo Sempre disse...

Obrigado.
Um abraço
Bom fim de semana.
Paulo

PORTUGAL

Moinante disse...

Caro José :

É a primeira vez que visito a sua página . Todavia , hoje como é meu hábito fui ao meu blog ( que não visionava à alguns dias ) para efectuar o post semanal e ler os comentários colocados no último , onde se encontrava um comentário da amiga Kalinka ( " amiga recente " porque também sou novo nestas andanças ) que entre os demais dizeres , fazia referência de que era o blog da semana em determinado blog . Clica aqui clica ali e cá vim parar ...
Antes de colocar este comentário , tive oportunidade de vaguear pela sua página , logo no artigo mais recente , trata de um assunto que também me tenho questionado ( no meu , não tenho tido essa experiência , mas tenho visto por aí ),a mesquinhice de certas pessoas , que fazem comentários anónimos . Onde , em vez de lerem os artigos e de tentar compreende-los , limitam-se a criticar quem comenta . Será falta de bom gosto , " inteligência " , ou simplesmente porque não têm nada de útil para fazerem , senão apenas descarregar a ira ou a depressão sob essa forma ... Bem , não sei , mas gostava de compreender o porquê destas coisas , pelo menos deviam nutrir algum respeito pelos proprietários das páginas , digo eu ...
Gostei também de ver o tributo aos seus mais novos visitantes , onde constam nomes que conheço , e que costumo visitar , uns com mais assiduidade do que outros ( o que o tempo permite )...
Em suma , para além de outros artigos , gostei de ver a foto do primeiro álbum dos Táxi , de seu nome " Táxi " ( não há nenhum à minha vista , então ao longe ) ... grandes memórias ...
Sem me querer alongar mais , desejo um bom fim de semana e a continuação de óptimos temas por aqui ...
Um abraço .

}}cleopatra{{ disse...

Olá!

Cheguei até aqui nem sei muito bem como, mas o que importa é que cheguei!
E, ao ler algumas coisas, não me podia ir embora sem deixar algumas palavras...
Neste mundo virtual encontra-se de tudo, de tudo mesmo!
Mas descobri que existe muita gente que, além de inteligente, sensível e dotada com o dom da escrita, ainda são educadas e carinhosas.
Portanto, como na vida real lá fora, há que escolher o trigo do joio.
Quem é que já não engraxou o chefe, lá no trabalho, bem debaixo do nosso nariz, para que suba na sua consideração e quiç'a... subir de posto também?!
Pois é... por aqui passa-se mais ou menos isso.
Muito mais haveria que dizer, mas acho que me fico por aqui.

Gostei de conhecer este espaço.

Um beijinho soprado

Ricardo Rayol disse...

Cara, escreve muito bem e sempre com temas polemicos. Até eu que não sou muito enfronhado em assuntos geo-politicos consigo entender o que se passa por aí. Os comentarios maldosos e antipaticos merecem apenas a boa e velha lixeira.

PS: NO IE a formatação do teu template está jogando o texto sobre a coluna ao lado...

Angela disse...

Os blogs são espaços de liberdade.
Deveríamos todos respeitarmo-nos. Se gostamos do que lemos, acho que não custa nada afirmá-lo até porque quem tem um blog gosta de saber que é lido e apreciado.
Por vezes, as opiniões são diferentes e penso que devemos ter a frontalidade mas com educação de também o afirmar. Isso prova que quem nos lê reflecte acerca do que escrevemos.
Quando não gostamos do que alguém escreve, é melhor não visitar mais. É tão simples quanto isso.
Temos que reconhecer que há comentários elogiosos que no fundo são vazios porque é fácil apercebermo-nos de quem nos lê e de quem apenas comenta para ser comentado...
As críticas quando construtivas são positivas na medida em que nos despertam!

Haveria tanto para dizer acerca deste tema...

Penso que não se deve nem escrever nem ler por obrigação mas sim porque nos dá prazer.
A partir daí, cabe-nos gerir da melhor forma os laços e relações que estabelecemos com os outros.

Um grande beijinho para ti.

José Alberto Mostardinha disse...

Viva Ricardo:

Obrigado pela chamada de atenção.
É que o template estava formatado para o IE7 (que estou a utilizar), Firefox e Opera.
Só não compreendo é o IE7 lêr uma coisa e o IE6 outra.
Coisas que só a Microsoft saberá explicar.
Um abraço,

Pata Irada disse...

Mostardinha

Nem sempre consigo captar tudo que etá sendo abordado se o assunto for política, mas é uma excelente oportunidade para saber o que acontece aí em Portugal.
Sempre que venho aqui no Estados Gerais, sinto um bom astral.

Quando alguém faz um comentário sobre um determinado assunto está mostrando um pouco de si.
Há pessoas que transmitem coisas boas e acescentam, outras nem tanto.
Só se pode tranmitir e dar aquilo que se tem.
Um bom fim de semana e
um beijo da pata (ainda esperando resposta)

JotaCê Carranca disse...

Aqui estou eu a dizer presente. Eu não falo política. Mas tu sabes que às vezes até estou em completo desacordo contigo. Mas eu não falo política. Deixa mesmo essses comentários insultuosos serem desfeitos pelo sistema autofágico da sua insignificância. As minorias têm direito a existir. Mas eu não falo política.
Um grande abraço

meg disse...

Pois eu venho pela mão da Kalinca, e, depois de uma primeira leitura em diagonal, e para não me alongar muito digo que foi uma boa surpresa.
Eu também gosto de atirar pedras ao charco, não me dou muito às amenidades, prefiro o debate, apetecem-me tertúlias...
Vou fazer uma leitura mais atenta para trás e volto... Espere-me...
Um abraço

Vladimir disse...

Como era sábado, o Vladimir inspirou-se e decidiu dar forma ao pensamento.

Luna disse...

Continuas em grande, já há algum tempo que não te visitava,estou de acordo com o que dizes,a educação cabe em todo o lugar, e deve de ser assim mesmo, o que não quer dizer que se não tivermos a mesma opinião que o não façamos,já me tem acontecido tanto nos comentarios que faço como os que recebo, e penso que é com as opiniões contrarias, que vamos aprendendo e crescendo, mas com respeito claro,
beijos

Keikas disse...

oieeeee,
passando , lendo e desejando a vc um megasuperblasterfimdesemana
bjka

Patacoadas do Cleber disse...

Caro Mostardinha, estavas verdadeiramente inspirado ao escrever a introdução deste post. Poesia pura. Te confesso que só entendi o post do "táxi" ao ler os comentários. Um abraço.

MARIA VALADAS disse...

OLá Mostardinha,
Estive a reler o teu post...Interessante o tema por ti abordado...
Claro, como tu, eu também tenho quase a certeza que as pessoas que andam aqui na Blogesfera...façam as suas visitas sem " sacríficios"...ou para dar " graxa"!
Eu comento quando quero e onde quero... e nos links que tenho no meu espaço.... ( para isso eles estão lá)...o que me facilita o vir directamente ao encontro de quem eu quero...escrever umas palavras!
Mas que há pessoas...que comentam so para dar a respectiva " graxa"...eu entendo o porquê...tu mesmo as classificastes....e no meu caso..tenho doi ou tr~es visitantes que o fazem....e eu tenho consciência disso!
É lamentavel...pois se fizessem como eu... ( beber água)... á fonte que mais gostam... então não havia tanta hipocrisia por estes
lados!
Enfim... um tema muito interessante o teu..e que já devia ter sido abordado!

Obrigada por o teres feito!

Um Bom Domingo

Maria

Miguel disse...

Mostardinha,

Partilho da mesma opinião e acho que os blogs são espaços de troca e debate de ideias e aobretudo uma boa maneira de fazer bons amigos. Vou começar a frequentar o teu espaço e também já fiz referencia no meu ...!

Obrigado pela visita e comentário n´A Minha Matilde & Cª!

Os meus parabéns pelo teu blog!
Vou passar por cá mais vezes!

Um abraço da Matilde & Cª!

Visita-me em:
http://umsonhochamadomatilde.blogspot.com
http://aminhatshirt.blogspot.com
http://asreceitasdaligia.blogspot.com

Teresa disse...

Interessantíssimo, o seu blog, que já adicionei aos meus favoritos e vai já direitinho para os meus links, para vir visitá-lo com o tempo que já vi que ele merece.

Parabéns!

Stella disse...

você proprociona além de informação espaço para trocas de idéias

Águas da Vida disse...

Obrigada pela visita.
Um excelente inicio de semana.
Big kiss