=====================

 

Ideias para Blogger

O crime não compensa.

Written By Al Berto on segunda-feira, outubro 02, 2006 | segunda-feira, outubro 02, 2006

...ou uma vitória contra a corrupção.

Os parlamentares brasileiros acusados de envolvimento com a máfia dos sanguessugas deram-se mal nas urnas.
A resposta do eleitor foi dura: dos 50 que disputaram as eleições, cinco foram eleitos e um será suplente de um senador eleito. O restante foi rejeitado.

Ao todo, 70 parlamentares são investigados pelos Conselhos de Ética do Senado e da Câmara pelo envolvimento com a máfia de compra de ambulâncias superfaturadas com emendas parlamentares.

Um passo em frente na construção de um Brasil moderno.

7 comentários:

migas (miguel araújo) disse...

Não sei se será a construção de um Brasil mais moderno.
mas pelo menos, se a mudança se verificar, será concerteza a construção de um Brasil mais justo e mais limpo.
Cumprimentos

Cfe disse...

Será que foi punição mesmo? Então porque os mensaleiros ficaram?

Se o povo save discernir que é honesto de quem não é, então porque uns ficaram e outros Bye-bye?

Acho que tem a ver com a diferença de importancia e notoriedade entre uns e outros. A maior parte de sanguessugas são deputados de 2ª linha, pouco conhecidos. O grupo dos mensaleiros são mais influentes, com mais conhecimentos ( e finaciamentos...)

Gostinho, gostinho foi ver o Delfim não se eleger.

E eu que me lembro, quando pequeno, o pavor que esse homem causava quando falava na TV como Ministro da Fazenda ( finanças )!

Durante as eleições fiquei recebendo e-mails de candidatos a deputado por Santa Catarina, é nisso que dá escrever o endereço eletronico nas fichas de inscrição de hotel. Podem ter a certeza: nunca mais! Durante meses fiquei recebendo propaganda de meninas que ofereciam seus serviços "aos mais exigentes executivos e cavalheiros..." até da Argentina e Chile recebi! Se minha mulher visse, até ia pensar que eu tinha caido na gandaia. Meses após pararam com essas mensagens e não é que meu endereço agora foi parar nas listagens de políticos! Tudo a ver não é?

Fiquei recebendo de um tal de "Blasi", que verifiquei que foi reeleito. Prometeu "condições adequadas de aposentação para a classe trabalhadora da segurança pública do estado", ou seja privilégios para policiais. Outro que me chamou a atenção foi o "Dentinho", deputado estadual pelo PT, que não se reelegeu. Coitado!

E o Esperidião Amim, gostei, passou para o segundo turno na eleição de governador. Em tempo: passei na frente de sua casa, quando estive em Floripa: classe média típica. Ao contrário dos palacios de seus companheiros do Rio de Janeiro. E isso num homem que já foi tudo no Brasil, exceto presidente.

Havia um candidato que teve uma proposta de um tal bolsa-beleza, seja lá o que isso for, mas não lembro o nome.

PS: Nada contra Santa Catarina, muito pelo contrário: estado que muito admiro e pretendo morar.

spersivo disse...

Grande Mostardinha,
É um processo e é muito mais complicado! Não sei como é aí, mas aqui somente se elege quem faz assistencialismo ou compra voto, logo é só uma mudança de nomes. A prática é a mesma. A única grande esperança é colocar Lulla da Silva para fora e fazer, depois, uma reforma política. Mas, mesmo assim, não será nem facil, nem rapido nem indolor. aquele abraço. S.

Ricardo Rayol disse...

Mostardinha, infelizmente não é a realidade. Foram eleitos pilantras do calibre de maluf, Collor, Palocci, José Mentor além do exótico Clodovil.

Guilherme Roesler disse...

Mostardinha, alguma coisa mudou. Enrtetanto, as areas mais pobres do Brasil parecem continuar a votar pela barriga, ou seja, as areas de maior distribuição de assistencia estatal são as que mais votam no governo. No Norte 78% votam pelo governo!!! mesmo com a corrupção. Precisamos Mudar isso. É a ditadura da ignorancia. Abração, Guilherme.

ps. De uma passadinha no Gazeta, está tão sumido...

Jorge Sobesta disse...

Caro Mostardinha,

Temos muitos Sádicos e Masoquistas com título de eleitor.
Fazer o que? É uma democracia.


Um garnde abraço.

Saramar disse...

Meu querido, boa noite.
Houve sim, avanço neste sentido. Os sanguessugas em geral, sofreram a derrota. É um pequeno, porém inequívoco sinal de que há brasileiros que se interessam e repudiam as práticas corruptas.
Entretanto, antigos corruptos contumazes, como Maluf (que utiliza a mesma farsa enganosa de Lula da Silva) foram eleitos, com gigantesco número de votos.
São as contradições da sociedade brasileira.