=====================

 

Ideias para Blogger

Eles tratam-nos da saúde...e da carteira.

Written By Al Berto on sábado, junho 24, 2006 | sábado, junho 24, 2006

Advogados e médicos estão entre aqueles que menos rendimentos declaram.

O número de pessoas com um rendimento superior a 250 mil euros anuais aumentou 13,8%.

De acordo com a Direcção Geral dos Impostos (DGCI), havia, no final de 2004, mais 399 contribuintes a declararem um rendimento superior àquele valor.

Os dados mostram ainda que os ganhos provenientes do trabalho dependente representam 70% do rendimento declarado para efeitos de IRS, enquanto o dos trabalhadores independentes e profissionais liberais não vai além dos 8,3% do total

Ora com exemplos destes, particularmente no que toca aos advogados, que se pode esperar desse tão propalado cumprimento dos deveres de cidadania?

Eles não se importam, porque já não existe vergonha e porque o que verdadeiramente lhes interessa é o dinheiro, mas depois duma notícia destas sair nos jornais, qual é a sua imagem, enquanto profissionais, perante a opinião pública?

Que respeito e credibilidade poderão merecer em tribunal pessoas que são denunciadas publicamente como incumpridoras?


Enquanto isto o trabalhador dependente, o que verdadeiramente contribui para a riqueza nacional, continua a ser o mais penalizado...até quando?

5 comentários:

Kafé Roceiro disse...

É amigo,
Realmente é uma vergonha esse tipo de coisa. É a chamada "Lei de Gerson", Aquele que só pensa em levar vantagem, não importa se passando por cima dos outros.
Gostaria muito de colocar essas bandeiras de todos os países da lingua portuguesa no Kafé. Será que você se importaria?
forte abraço.
Kafé.

José Alberto Mostardinha disse...

Viva Kafé:

...essa é a minha pátria.
Tudo pela divulgação da nossa maravilhosa língua.

Para ser mais fácil já seguiu email com o código.

Um abraço amigo,

thesarcasticway disse...

Bem José Alberto, este ao menos sikh pedinte " Nova Iorquino" como admite no seu cartão não engana ninguém na sua ladainha! 4 dolarzitos pá droga, cerveja e javardices...

veritas disse...

Quanto aos médicos digo: obrigatoriedade de escolher entre público e clínica privada, acabariam as listas de espera...

José Alberto Mostardinha disse...

Olá Veritas:

É isso. Mas no meio de tantas medidas para a área da saúde essa ainda não saiu da "cartola"...e eu até gostava de saber o porquê.