=====================

 

Ideias para Blogger

Chicana política.

Written By Al Berto on sexta-feira, março 23, 2007 | sexta-feira, março 23, 2007


"É SEMPRE com pudor que alguém escreve um título como este, mas, um ano depois de o Governo ter tomado posse, José Sócrates tem-se revelado um primeiro-ministro com coragem, determinação, capacidade de decisão e visão.
Com coragem porque tem afrontado interesses que, durante anos, todos os Governos evitaram enfrentar. Com determinação porque a contestação nas ruas, organizada por esses mesmos interesses, não o fez recuar nem deixar cair os ministros sob fogo.
Com capacidade de decisão porque projectos que há muito acumulavam pó nas prateleiras dos ministérios avancaram finalmente. E com visão, como é um exemplo a decisão de introduzir o ensino do inglês nos 3.º e 4.º anos do ensino básico.
Mas convém acrescentar que o Governo não vive só do primeiro-ministro.
No geral, o Executivo é equilibrado e competente. Para além dos ministros já com provas dadas (António Costa, Mariano Gago, Alberto Costa), são de assinalar as boas surpresas na Educação e Agricultura - e a confirmação de que nas Finanças existe uma excelente equipa."


in Expresso de 25 de Fevereiro


Tomei conhecimento de que andam por aí uns blogues que, descontentes com a actuação do Primeiro Ministro José Sócrates, tudo usam para o apoucar.
A última reside no facto dele ser ou não engenheiro.
A ter em conta uma nota do Correio da Manhã a Ordem dos Engenheiros diz não ter aí registo desse facto.
Sabe-se, no entanto, que há muito licenciado em engenharia que nela não está inscrito.

Mas o que aqui está verdadeiramente em causa, até porque José Sócrates não exerce a profissão de engenheiro, é como e porquê tudo isto surge.

É notório para os menos incautos de que tudo isto tem motivação política.
Numa altura em que o primeiro-ministro anuncia uma vitória da sua gestão, e do país, sobre o défice publico em Portugal, que estava previsto ser de 4,6% e que se viu reduzido para 3,9%, a oposição, e particularmente o PSD, á falta de argumento válido usa a chicana política.

Este partido mostra assim ter á sua frente gente pequena.
Pequena na estatura, pequena na mentalidade e pequena na política.

Apesar de não ser isso que aqui está em causa, os políticos que marcaram a história, todos eles, não a marcaram pelo facto da sua formação académica mas antes pelos resultados da obra que legaram aos respectivos países.

Como contraponto, António Salazar, o ditador fascista que durante décadas oprimiu o povo português, acabou a licenciatura em Direito com 19 valores.
Apesar de nunca ter exercido Direito, a sua formação académica resultou nas consequências que todos os portugueses bem sabem.
Milhares de mortos e estropiados numa guerra colonial inútil e que um inapto político não viu que era uma guerra perdida.
Para além do sofrimento e morte de muitos dos seus melhores filhos, legou a Portugal o atraso que se conhecia a 25 de Abril de 1974, o desprestígio e o isolamento internacional.

José Sócrates será porventura o melhor primeiro-ministro desde que Portugal conhece a democracia como regime político.
A sua entrega e dedicação á causa pública é um facto que ninguém sério ousa por em causa.

Tirando uma oposição medíocre e sem ideias para o país, é um político respeitado, nacional e internacionalmente, no governo e fora dele.
A verdade é esta, Portugal merece o melhor á frente do governo... e neste momento tem-no.

Fernando Pessoa dizia: "Tudo vale a pena se a alma não é pequena",
pois eu digo: "Sem uma alma grande... tudo é pequeno".

É por isso que a pequenez de uns tantos não é suficientemente grande para ofuscar esta realidade.


Para ser grande, sê inteiro:
Nada teu exagera ou exclui.
Sê todo em cada coisa.
Põe quanto és no mínimo que fazes.
Assim em cada lago a lua toda brilha,
Porque alta vive. (FP)

25 comentários:

Carla Ramos disse...

Também penso que dificilmente alguém faria melhor.

José Manuel Dias disse...

Partilho da leitura efectuada.
Abraço

Pedro Link disse...

Sei que a governação do governo do Eng. Sócrates tem incomodado muita gente.
Era de esperar!
Depois do cerco fechado á corrupção, todo o Mundo fica espantado como se fazem os ricos em Portugal.
A “oposição” manifestasse precisamente porque esta politica de transparência faz mal aos seus aliados, esperneia, aponta a sua estupidez nos mais diversos sentidos e, a ultima questão do 1º Ministro ser ou não ser Engenheiro, é de bradar aos céus.

Em nada me espanta esta notícia, ela é o símbolo da ”nossa” oposição que ao faltar-lhe argumentos válidos entra pelo lado do arruaceiro.
Licenciei-me na U.A.
A Universidade de Aveiro ainda não está reconhecida pela ordem, fui obrigado a fazer exame no ano transacto, chumbei, este ano terei que voltar.
Agora eu pergunto!
Será que por não estar inscrito na ordem também não sou engenheiro?
É que para o não reconhecimento basta não pagar as cotas.

Um abraço e bom fim-de-semana

DANIEL PEARL disse...

Aos amigos ESTADOS GERAIS, estamos felizes, dia 26 de março, estaremos completando 1 (um) ano da existência do blog Desabafo País, que no início era chamado 'Desabafo Brasil' e tinha seu ponto alto a Política, hoje falamos de tudo. Agradecemos aos 154.788 acessos vindo de todo recanto do Brasil e também dos seguintes países: Espanha, Canadá, Portugal, Estados Unidos, Bélgica, Itália, Inglaterra, Republica Dominicana, Alemanha, Argentina, Índia, China, Austrália, Japão, França, Chile, Hungria, Polônia, Suécia, Israel, Noruega, Suíça, Bolívia, Holanda, México, Venezuela, Irlanda, El Salvador, Angola, Indonésia, Nova Zelândia, Uruguai. Obrigado, obrigado, obrigado. Daniel Pearl e Blanchard Girão.Endereço: http://desabafopais.blogspot.com/

Arauto da Ria disse...

Caro JAM,
e se não fosse?
Será que é obrigatório ser Eng. ou Dr., para se ser um bom gestor?
Será que é obrigatório ser licenciado para se ser 1º Ministro?
Somos um País em que existem muitos bacôcos, criticam ou tentam atingir um homem, pelo seu grau académico, enfim gente pequena.
Ele é Eng, pois tenho a certeza que é bacharel.
Caro amigo, vá ao meu canto e puxe pela memória, vou precisar de si no inicio de Abril.
Um abraço e bom fim de semana.

Santa disse...

Então, Portugal está em boas mãos!

Bjs

Pata Irada disse...

Mostardinha

Por que uma pata brasileira tem que botar o bico em Portugal?
Porque me sinto em casa e adoro os portugueses. quáquá.
Mas agora tenho que te confessar: Ai, que inveja!
Como eu queria poder elogiar um político ou um partido aqui no Brasil.
Se estiver escrito nas estrelas, um dia chegaremos lá, porque não vejo muita luz no final do túnel.

Uma semana mais do que ótima para ti e um beijão.

Saramar disse...

José Alberto, feizes vocês são pelo que li.
Ao contrário dos brasileiros.
Espero que este bom administrador tenha herdeiros políticos que mantenham o seu país no caminho do desenvolvimento.

beijos e bom domingo.

José Alberto Mostardinha disse...

Olá Silvana (Pata):

Vocês têm tanto o direito (e o dever :-)) de aqui darem o vosso palpite como eu de dar o meu nos vossos blogues... ou não é assim?

Bjs,

NB: Só tenho pena que vocês andem tão absorvidos com os vossos problemas internos que nem tempo resta para ver a "casa" dos outros.
Mas por cá também há notícias "interessantes".
Mas estes comentários ainda agora "vão no adro". Aguardemos.
Não gosto de unanimismos injustificados.

PSousa*Bancada Directa* disse...

Em primeiro vou desde já dizer que não votei no homem, mas como eu voto normalmente nas pessoas e não tanto nas convicções políticas,não estranhem.
Claramente não votei também no Marques ou alguém de direita, mas avante....
Depois de alguns anos de desgovernação que o nosso estado democrático esteve sujeito, eu tenho que reconhecer, e penso que a maioria dos portugueses, que este primeiro-ministro, tem realmente feito algo, rompido com costumes que eram correntes na sociedade política de interesses, apesar de não conseguir erradicar tudo, como é obvio.

Tem feito o bastante para levar nota positiva, e para a oposição se entreter,neste momento face aos objectivos conseguidos através do défice, a ir visitar consulados e ilhas, na expectativa de recolher votos e desviar atenções do que realmente é importante, dar soluções para o que está mal, ou melhorar.
Alguma oposição, a construtiva tem sabido dar valor e não tem criticado só por criticar, lembro Louça, R.Castro, J.Sousa que até tem realçado o bom trabalho em algumas áreas, mas outros...enfim.

Concordo com o meu amigo no post, mas algo, e muito ainda se tem que fazer para ser um governo que se possa dizer bastante positivo, pois enquando não se encurtarem distancias que existem dos outros países, em matéria de educação, saúde, justiça, entre outras, será sempre um governo melhor que os outros, mas sem galhardões.
Muito se tem feito, mas mais se precisa fazer, e vou esperar por mais algum tempo para avaliar melhor, se o processo que está em curso, é a médio/longo prazo, ou a curto como outros.

Tenho fé, e era bom que assim continuasse, pelos jovens de agora e filhos de destes,pelos idosos de hoje, e por nós amanha.

Um grande Abraço

José Alberto Mostardinha disse...

Caro PSousa:

Partilho da sua leitura... ainda que tenha consciência de que, neste momento, e perante tantos "velhos do Restelo", se torna necessário dar suporte ao governo em exercício sob pena de incompetentes e oportunistas o ocuparem neste momento de mudança e porem a perder todos os esforços feitos até aqui e, em vez de termos avanços, temos avanços... e recuos.

Sopram ventos de mudança.
O que se trata de saber é se Portugal está ou não no bom caminho.
Para mim está... até prova em contrário.

Nunca em Portugal se assitiu a um combate tão determinado contra duvidosos interesses instalados, contra a corrupção e o imobilismo.

Alguém argumentava que a redução do défice estava a ser feita á custa dos portugueses... eu pergunto:
- Á custa de quem deveria ele ser feito? Dos espanhóis?

Grato pela oportuna intervenção.

Um abraço,

acasus disse...

Meu Caro,
O Salazar não fez outra coisa na vida senão "exercer direito" ao contrario do que dizes. Deves estar a confundir com outra coisa qualquer...Alias mesmo quando foi chefe do governo fê-lo escrevendo leis...

veritas disse...

Olá José Alberto:

Muito me honra achar que sou digna da sua proposta. Gostaria de dizer que poderia concretizá-la. Sabe que tenho uma vertente que quer fugir para o perfeccionismo. Sei que com a vida que tenho de momento a nível familiar e profissional não poderia fazer uma colaboração consigo que tocasse o nível que exigiria de mim própria para concretizar os objectivos. Também não estou no desprendimento emocional de abdicar do meu velhinho Impactos( que nasceu veritas), como já se deve ter apercebido pela leitura das minhas postagens sou uma nostálgica compulsiva. No entanto fica a sugestão para um provável futuro próximo....

Obrigada por ter pensado em mim!

Bjs e um óptimo fim-de-semana.

veritas disse...

Em relação ao seu post só quero acrescentar que admiro a coragem e determinação do nosso PM. É caso para dizer "Os cães ladram mas a carruagem passa" ou "Vozes de burro não chegam ao céu..."

Bjs. Bom fim-de-semana.

Ricardo Rayol disse...

É meu amigo, quando se mexe em vespeiro tem que se estar preparado para receber picadas. A questão profissional é apenas mais um motivo para se pegar no pé pelo que entendi. Como bem exemplificou um jurista fez uma barbárie.

José Alberto Mostardinha disse...

Viva Acasus:

Compreendo a pertinência do comentário.
Mas o que pretendo sugerir é que, se fôr perguntado a 100 portugueses que formação tinha Salazar, 90 dirão que era economia e finanças.
Ainda se poderia por outra questão que bem poderia ser a de que espírito presidiu á escolha de nomear um jurista para a pasta de economia e finanças... quando sabemos que qualquer advogado é "analfabeto" nessa área.
Dá para entender agora a observação?

Lâmina d'Água, Silêncio & Escriba disse...

Não sei, não o conheço e nem me atreveria opinar a respeito, mas sei bem que, compravadamente, todo povo tem o governo que merece!!!

Nós temos cá o nosso e merecidamente!!! Por certo que o povo português fez e fará por merecer, também!!! Espero no entanto que tal merecimento comprove evolução e melhoramentos!!! Nós aqui andamos ainda na etapa dos "pioramentos"...

Vim te desejar uma feliz semana!!!
E que bom que tu gostou das minhas fotinhos de Zimbros. É mesmo um lugar paradisíaco!!!

Beijos,
Cris

Passarim disse...

Mostardinha,

Parabéns a todos os Portuguêses que souberam escolher um governo.
Mas também gostaria de saber se seu Primeiro-Ministro pensa em reduzir o subsídio na agricultura ? Nossos produtos tem grandes dificuldades de entrar na Mercado Comum Europeu devido aos grandes subsídios que oferecem os governos na Europa. Aqui no Brasíl não subsídio. Abs do Jarbas do Aparte.

Pata Irada disse...

Mostardinha

É verdade, é bem assim!
Bom puxão de orelha.
Deveríamos saber mais das coisas que acontecem aí.
Existe um oceano a nos separar, mas hoje em dia, com a internet, Portugal está logo alí.
Parece que somos vizinhos bem próximos. Isso é sensacional, podemos nos visitar sempre que bate a saudade.

Um beijo.

PSousa*Bancada Directa* disse...

Caro amigo José, concordo e reflecti isso na minha opinião, sendo que a minha duvida está precisamente nesses "Velhos do Restelo", que até quando eles chegarem ao poder e recuarmos rápido, como nestes anos de democracia pós-salazarista, onde o capitalismo selvagem prospera.

Bem, quando chegamos a discutir se o ministro é ou não engenheiro, penso que está tudo dito dos nossos políticos, pois os estudos nada interferem na inteligência moral dos deveres que todos tem que ter, e o que se vê é claramente doutorados sem esses ditos fundamentos.

O défice... diz bem, se fomos nós que o criamos, graças as votações que fizemos ao longo destes anos, mais regalias participadas e consentidas por todos, somos todos que temos que o baixar, com as mesmas, sendo que não é o mesmo apertar o cinto a um gordo e um magro, se é que me fiz compreender.

Abraço

Patacoadas do Cleber disse...

É importante quando surgem na cena política pessoas dessa qualidade, que não se curvam aos pequenos interesses e que têm como prioridade os interesses da nação.
Se essa fosse a mentalidade preponderante poderíamos legar progresso, paz, e prosperidade para todos das novas gerações. É a luta mais justa de se lutar.

PSousa*Bancada Directa* disse...

Amigo,

Para dizer que desde ontem será o blog da semana em Bancada Directa, já merecia a muito este facto, e não serve de reconhecimento ou retribuição pelo meu, mas sim pelo valor dos seus comentários e registos.
Portanto fica aqui o registo.

Abraço

tunico disse...

Jose Alberto,
A Silvana(nossa amiga patinha irada) chegou antes e escreveu exatamente o que eu vou reiterar. Que inveja que tenho de você. Poder elogiar seus governantes.Ver que eles estão fazendo um bem para a nação. Aqui ao Sul do Equador não dá para fazer isto.Eu conheço a malta que hoje tomou conta do poder há 27 anos.Lutei contra eles sempre como faço hoje. Alertei muito conterrâneo contra os perigos que poderiam advir mas eles venceram e aí está o Brasil de hoje. Por fora, bela viola. Por dentro, um pão bolorento.

JotaCê Carranca disse...

Não vi nenhum episódio do programa de entretenimento que escolheu o de Santa Comba Dão como personagem disto ou daquilo... coisa que será sempre difícil de escolher porque cada pessoa é única e eu até posso dizer que sou o maior, pelo menos do espaço que ocupo em cada momento.
Quanto à governação do Eng. Sócrates já não dou assim tantos urras e palmas porquanto ainda não me saiu da cabeça a Acção Social que cada Estado deve ter e que o ser humano não é uma parcela de uma estatística qualquer - mas isto sou eu a falar que não falo de política.
Um abraço virtual a confirmar o dado hoje no real

JotaCê Carranca disse...

esqueci-me: não tenho nenhum interesse em saber se é engenheiro ou não... penso que isso é só um problema dele